Johnny Depp Forever
A sua fonte de informações sobre o ator e músico Johnny Depp
Revistas adicionadas à galeria e nova entrevista
maio 8, 2013

Foram adiconadas à galeria do site os scans da edição de janeiro/fevereiro da revista Cine Studio, que traz uma matéria sobre “O Cavaleiro Solitário”, e da OK! Magazine de 14 de maio, que publicou uma entrevista concedida por Johnny a Tim Lockwood.

Confira as imagens e a tradução da entrevista a seguir.

Scans > Internacionais > 2013 > Janeiro/Fevereiro 2013 – Cine Studio (Venezuela)
Scans > Internacionais > 2013 > Maio 2013 – OK! (EUA)

Johnny Depp sobre ficar mais velho, a emoção de interpretar foras da lei e porque não pode deixar Jack Sparrow para trás

Como você está se sentindo em chegar aos 50?
Seria pior para não chegar aos 50 [risos]. Não é? Isso seria uma chatice.

Você é tão bom em interpretar esses personagens fora da lei que todos nós amamos. Você se identifica com ser um fora da lei e por que nós os amamos tanto?
Bem, foras da lei são divertidos. Eles conseguem fazer coisas que não podemos, eles quebram as regras. Portanto, há aquela emoção indireta.

Você já se sentiu como um cavaleiro solitário em Hollywood?
Sempre fiz o que fiz e ainda me sinto sortudo de estar no jogo e, bem, estar no jogo sem precisar jogá-lo demais.

Alguma vez você já quis usar uma máscara na vida real, para poder passar despercebido?
Sim. Eu tenho usado coisas ridículas para ser capaz de sair em público. Você sabe, cole um nariz falso, uma barba de ZZ Top, uma bandana sobre sua cabeça e você parecerá como um velho motoqueiro.

Qual foi a importância da maquiagem e do figurino para você se tornar Tonto de “O Cavaleiro Solitário”?
Eu estive maquiado por algumas horas, todos os dias, a menos que eu decidi usá-la em casa, o que foi frequente, porque iria economizar tempo no período da manhã [risos].

Foi difícil deixar Jack Sparrow para trás, quando você começou a trabalhar com esta equipe de novo?
Quão difícil foi deixar Jack Sparrow? Esse é um dos problemas, ele ainda está lá. [Coloca na voz de Jack Sparrow] Ele nunca vai embora. Eu não posso impedi-lo algumas vezes [risos]!

Você pode nos contar um pouco sobre o acidente de equitação que teve durante as filmagens de “O Cavaleiro Solitário”…
Eu acho que o cavalo tinha rancor de mim [risos]! Eu vi tudo de forma muito clara, que foi o cavalo de patas dianteiras extremamente musculosas se movendo a uma velocidade, obviamente, muito perigosa, e eu ainda estava segurando a juba como um idiota tentando voltar para cima. Então, é como se deve tomar uma decisão, eu caio, posso bater minhas costas ou eu espero por um casco dividir o meu rosto em dois? Então, eu escolhi ambos, cair por conta própria.

Você foi para o hospital?
Não, não. Eu estava bem até. A dor virá mais tarde, provavelmente [risos].

Você já dirigiu antes com “O Bravo”, onde também interpretou um nativo americano – qualquer plano para ficar atrás da câmera de novo?
Sim, na verdade eu tenho trabalhado em um filme por cerca de quatro anos ou mais. E acabamos de completar a parte de filmagem – e é um documentário sobre Keith Richards.

Será similar ao filme dos Rolling Stones?
Definitivamente não [risos].

Você está tocando música no palco mais e mais – em que pé está a música para você em sua carreira agora?
A música sempre foi o meu primeiro amor. É o que eu fiz desde que eu era criança e eu nunca parei. Eu estava fazendo filmes e coisas assim, então, não foi como estar à procura de uma segunda carreira como músico de novo, mas uma coisa levou a outra. Fui convidado para subir ao palco com alguém, e depois algumas outras pessoas me viram no palco e disseram: ‘Uau, você pode tocar guitarra’.

E você está colaborando com a sua ex Vanessa no próximo álbum?
No último disco de Vanessa? Acho que não toquei em nada.

Não era algo com você e sua filha?
Ah, sim. Houve uma pequena música, alguns acordes que eu escrevi e Lily-Rose veio com a melodia.

Transcrição: Emma – JDZ
Tradução: Cristina – Equipe Johnny Depp Forever
Não reproduza sem os créditos!

  • Ariany

    EU adorei a entrevista!

  • Mayara Vanessa

    Gostei da curta entrevista. Gostei também de saber o quão importante Jack Sparrow é pra vida de Johnny. Li certa vez eu um site, que Johnny Depp disse que o seu personagem preferido é Jack Sparrow e de seus filhos também.

Leave a comment