Johnny Depp Forever
A sua fonte de informações sobre o ator e músico Johnny Depp
Johnny Depp troca a agência UTA pela CAA
outubro 28, 2016

Depois de 18 anos, Johnny Depp deixou a agência de talentos United Talent Agency (UTA). Sua carreira também não é mais agenciada por Tracey Jacobs, com quem trabalhou por mais de 25 anos.

Johnny agora tem sua carreira gerenciada pela Creative Artists Agency, a CAA. Leia a tradução da matéria do The Hollywod Reporter a seguir.

Em uma jogada que vai chocar o mundo das agências, Johnny Depp deixou a UTA, da qual tem sido cliente desde 1998, e se juntou à rival CAA.

A estrela internacional, que recebeu três indicações ao Oscar e cujos filmes geraram mais de US$ 7 bilhões na bilheteria mundial, sofreu uma série de decepções, incluindo “Transcendence – A Revolução”, “Mortdecai – A Arte da Trapaça” e “Alice Através do Espelho”.

(…) Apesar de suas batalhas recentes, o ator tem sido uma das estrelas mais bancáveis dos últimos 15 anos e um respeitado personagem desde que começou sua carreira em “Anjos da Lei” e derreteu corações em “Edward Mãos de Tesoura”.

Depp interpretou estranhos e desajustados em filmes como “Ed Wood”, “Gilbert Grape – Aprendiz de Sonhador”, “Medo e Delírio em Las Vegas” e na franquia “Piratas do Caribe”, que começou com “Piratas do Caribe: A Maldição do Pérola Negra”, de 2003, consolidando-o no imaginário de milhões como o Capitão Jack Sparrow.

Além de quatro filmes “Piratas” (com um quinto a caminho), seus sucessos incluíram “Alice no País das Maravilhas” e “A Fantástica Fábrica de Chocolate”.

Sylvester Stalonne, Tracey Jacobs, Johnny e Christi Dembrowski em festa em Cannes (1995)

Sylvester Stalonne, Tracey Jacobs, Johnny e Christi Dembrowski em festa em Cannes (1995)

Tracey Jacobs, agente de longa data de Depp, assinou com o ator quando ele estava “Anjos da Lei” e guiou sua carreira por mais de 25 anos (ambos juntaram-se à UTA em 1998). Mas, no rastro de “Alice Através do Espelho”, que fez apenas US$ 299 milhões na bilheteria global e apenas US$ 77 milhões no mercado interno, após o primeiro filme ter arrecadado US$ 1 bilhão, parece que Depp está pronto para repensar seus próximos movimentos na carreira.

Antes de fazer o salto para a CAA, o ator assinou no mês passado um papel de apoio na adaptação de “Assassinato no Orient Express”. (Ele permanece ligado a “The Invisible Man”, da Universal, bem como a “Labyrinth”, um drama policial que explora o assassinato dos rappers Tupac Shakur e The Notorious B.I.G.)

Depp, que estrela como Sparrow novamente em “Piratas do Caribe” no próximo verão, é gerenciado por sua irmã, Christi Dembrowski, e é representado pelo advogado de longa data Jake Bloom na Bloom Hergott.

Tradução: Cristina – Equipe Johnny Depp Forever | Via JDZ

Leave a comment