Johnny Depp Forever
A sua fonte de informações sobre o ator e músico Johnny Depp
Damien Echols fala sobre Peter Jackson e Johnny Depp
setembro 8, 2012

Damien Echols, um terço do West Memphis Three, prestou homenagem aos amigos Johnny Depp e Peter Jackson por fazerem campanha para tirá-lo da Death Row, para que ele pudesse navegar dolorosamente até a recém-encontrada liberdade.

“Se não fosse por Peter Jackson e Fran Walsh e Johnny (Depp), realmente nós não teríamos para onde ir e nada para fazer quando eu saí. Saímos de Arkansas como refugiados”, disse Echols ao recordar ser libertado em agosto de 2011, depois de ter sido injustamente condenado e preso junto com Jason Baldwin e Jessie Misskelley por serem torturadores e assassinos de três crianças.

Durante uma conferência de imprensa para o documentário de Amy Berg, “West of Memphis”, em Toronto, Echols disse que Depp e Jackson ofereceram uma rede de segurança essencial para três jovens mal preparados para a vida do lado de fora. Clique para continuar lendo >>> 

“Se não fosse por eles, não teríamos absolutamente nada, nem uma muda de roupa, nem um lugar para dormir, nada”, acrescentou sobre sua vida do lado de fora com a esposa Lorri Davis. […]

De sua parte, Depp disse que estava em Toronto como um amigo, buscando limpar os nomes dos três homens, depois de mudarem suas alegações de não culpados para culpados, como parte de um negócio legal estranho para garantir a sua liberdade.

“Eu não penso em mim como uma celebridade. Estou aqui, como Peter (Jackson) disse, como um amigo. Se há pessoas lá fora que vão gastar um minuto para ouvir o que eu tenho a dizer, ou o que esses caras têm a dizer, eles vão aprender muito mais sobre este caso”, Depp insistiu. […]

Jackson, que apareceu na conferência de imprensa direto da Nova Zelândia via Skype, lembrou de aderir à luta legal para libertar o West Memphis Three depois que ele e sua esposa viram o documentário original da HBO sobre o caso.

“Nós obviamente ficamos chocados ao descobrir que eles ainda estavam na prisão e nada mais tinha avançado sobre o caso”, disse o diretor de “O Senhor dos Anéis”.

Como medida de sua lenta caminhada para a liberdade, Echols disse que teve que passar pela burocracia aduaneira para voar para Toronto e participar do festival.
“Os EUA ainda mostram que tenho três acusações de assassinato. Eu tive que vir através de medidas extraordinárias que os outros não precisam”, disse.

Fonte

Tradução e adaptação: Cristina – Equipe Johnny Depp Forever
Não reproduza sem os créditos!

Leave a comment