Johnny Depp Forever
A sua fonte de informações sobre o ator e músico Johnny Depp
“Caminhos da Floresta” recebe sete indicações ao Phoenix Film Critics Society 2014 Award
dezembro 10, 2014

A Phoenix Film Critics Society divulgou os indicados ao seu prêmio anual. Caminhos da Floresta (“Into the Woods”) está entre os nomeados, aparecendo em sete categorias! Saiba quais a seguir:

Melhor Desempenho de um Elenco

Birdman
O Grande Hotel Budapeste (The Grand Budapest Hotel)
Guardiões da Galáxia (Guardians of the Galaxy)
Caminhos da Floresta (Into the Woods)

Melhor Filme Live Action para Família

Alexandre e o Dia Terrivel, Horrível, Espantoso e Horroroso (Alexander and the Terrible, Horrible, No Good, Very Bad Day)
Guardiões da Galáxia (Guardians of the Galaxy)
Caminhos da Floresta (Into the Woods)
Malévola (Maleficent)
Muppets 2: Procurados e Amados (Muppets Most Wanted)

Melhor Fotografia

A Most Violent Year
Birdman
Interestelar (Interstellar)
Caminhos da Floresta (Into the Woods)
A Teoria de Tudo (The Theory of Everything)
Invencível (Unbroken)

Melhor Edição

Birdman
Boyhood: Da Infância à Juventude (Boyhood)
Garota Exemplar (Gone Girl)
Interestelar (Interstellar)
Caminhos da Floresta (Into the Woods)

Melhor Figurino

O Grande Hotel Budapeste (The Grand Budapest Hotel)
Vício Inerente (Inherent Vice)
Caminhos da Floresta (Into the Woods)
Malévola (Maleficent)
A Teoria de Tudo (The Theory of Everything)

Melhor Performance por um Jovem – Masculino

Ellar Coltrane, Boyhood: Da Infância à Juventude
Daniel Huttlestone, Caminhos da Floresta
Jaeden Lieberber, Um Santo Vizinho (St. Vincent)
Ed Oxenbould, Alexandre e o Dia Terrivel, Horrível, Espantoso e Horroroso
Tony Revolori, O Grande Hotel Budapeste

Melhor Performance por um Jovem – Feminino

Lilla Crawford, Caminhos da Floresta
Mackenzie Foy, Interestelar
Sterling Jerins, Um Amor de Vizinha (And So It Goes)

Os vencedores do Phoenix Film Critics Society 2014 Award serão conhecidos no dia 16 de dezembro. “Caminhos da Floresta” estreia no Brasil em 08 de janeiro de 2015.

Fonte | Via

Leave a comment